Teste sanguíneo será capaz de revelar necessidade de antibióticoNotícias de Saúde

Quinta, 14 de Julho de 2016 | 15 Visualizações

Fonte de imagem: bolsademulher

O corpo é que manda e a ciência mostra-se cada vez mais empenhada em provar isso, especialmente quando está em causa a toma de antibióticos.

O alerta foi em maio: A resistência a antibióticos poderá matar uma pessoa em cada três segundos. E tudo por culpa da toma excessiva deste tipo de fármacos.

Um relatório divulgado este ano apela à mudança drástica na maneira de utilizar os antibióticos, cujo consumo excessivo e má utilização favorece a resistência das ‘super-bactérias’, que poderão ser uma das mais graves e impactantes causas de morte no futuro.

Desde que se fizeram soar os alarmes, começaram ser publicados estudos e outros relatórios acerca da necessidade de reduzir o consumo de antibióticos e um dos mais recentes revela como isso é possível. Uma equipa de investigadores da Universidade de Stanford, na Califórnia, revela que, em breve, será possível saber se o paciente realmente necessita de antibióticos ou não através da simples realização de testes sanguíneos.

Conta o Telegraph que, depois de terem sido realizados testes em 96 crianças criticamente doentes, os cientistas norte-americanos identificaram sete genes que se alteram perante sinais de doença, o que permite aos médicos saber se a infeção em causa deve ou não ser tratada com o recurso a antibióticos.

Para já, o teste sanguíneo revela o resultado entre quatro a seis horas, mas os investigadores pretendem que os resultados sejam conhecidos dentro de 60 minutos, estando o processo de deteção dos genes a ser agora refinado.

Partilhar esta notícia
Referência
POR DANIELA COSTA TEIXEIRA

Notícias Relacionadas

Info-Saúde Relacionados