Stress leva mulheres a voltar a fumar depois de darem à luzNotícias de Saúde

Segunda, 14 de Setembro de 2015 | 14 Visualizações

Fonte de imagem: legaljuice

O mau hábito é retomado por quase 90% das mulheres que pararam de fumar durante a gravidez.

As mulheres que param de fumar durante o período de gestação têm tendência a voltar ao mau hábito depois de dar à luz. Diz uma investigação britânica da Universidade de East Anglia que a taxa de regresso ao tabagismo ronda os 90%.

Para a autora do estudo, Caitlin Notley, o stress e as noites mal dormidas são os principais culpados para esta situação, que acontece, principalmente, durante o primeiro ano de vida do bebé.

A conclusão, conta a revista Veja, surgiu depois de terem sido questionadas mil mulheres e revela ainda muitas das grávidas apenas deixam de fumar durante o período de gestação por temerem consequências na saúde do bebé, não na do bebé e na própria – situação que também justifica a rapidez com que a recaída se dá, uma vez que assim que dá a luz a mulher deixa de ter um ‘entrave’ ao tabagismo.

Partilhar esta notícia
Referência

Notícias Relacionadas