Sete hábitos de hoje que lhe vão dar mais saúde aos 70Notícias de Saúde

Quinta, 24 de Março de 2016 | 298 Visualizações

Fonte de imagem: vidaativa

A saúde do futuro constrói-se hoje. Eis o que deve começar a fazer.

Quando a saúde é tema central, há que pensar sempre a longo prazo. Tudo o que fazemos nos dias de hoje terá uma consequência mais ou menos direta na saúde da velhice e, por isso, torna-se importante começar já a mudar alguns velhos hábitos.

A ideia é defendida pela mais recente campanha da Public Health England que, em parceira com o Mirror, dá a conhecer tudo o que é preciso fazer hoje para se ter mais saúde no futuro.

1. Cortar no consumo de bebidas alcoólicas.

Embora o vinho tinto apresente benefícios para a saúde, o seu consumo deve ser moderado ou até mesmo reduzido. O mesmo acontece com todas as outras bebidas alcoólicas, uma vez que um consumo regular (ou até mesmo desmedido) deste tipo de produto aumenta o risco de problemas no fígado e coração. Mas não só: o álcool pode mesmo matar.

2. Reduzir ao máximo o consumo de açúcar.

O açúcar está em todo o lado. Parece um exagero, mas a verdade é que este produto encontra-se na grande maioria dos alimentos consumidos diariamente. E a linha que associa o consumo de açúcar refinado ao risco de morte é cada vez maior.

3. Deixar de fumar.

Não são precisos muitos argumentos para defender a necessidade de abandonar este hábito, há um suficientemente forte: o tabaco é a causa número um de grande parte dos cancros a nível mundial. E não é apenas quem fuma que está à mercê. O fumo passivo é também fatal.

4. Reduzir o consumo de sal.

Tal como o açúcar, o sal está presente num vasto leque de alimentos consumidos, especialmente nos processados que cada vez mais ocupam um lugar de destaque na alimentação por serem versáteis, práticos, saborosos e viciantes.

5. Treinar mais.

E melhor. Nunca é tarde de mais para começar a correr, a ir ao ginásio ou simplesmente para começar a caminhar. A atividade física é cada vez mais importante para combater as consequências da má alimentação, do sedentarismo e do stress dos dias de hoje.

6. Dormir o suficiente e bem.

Nos últimos meses, a ciência estou aprofundadamente o impacto que o sono tem na saúde e as conclusões não poderiam ter sido mais unânimes: não dormir pode ser fatal.

7. Reduzir os níveis de stress.

O stress causa ansiedade, depressão, fome emocional, mudanças de humor e dificuldade em socializar. O stress pode matar e não saber lidar com ele é tão ou mais grave.

Partilhar esta notícia
Referência