Sempre com dores de cabeça? Eis o mineral que pode ter em faltaNotícias de Saúde

Quinta, 01 de Setembro de 2016 | 827 Visualizações

Fonte de imagem: headaches

Se for o seu caso, é possível acabar com as dores de cabeça através da alimentação ou da toma de suplementos.

Ultimamente parece que está sempre com dores de cabeça? Pode estar com um défice de magnésio.

O magnésio é um mineral essencial de que o corpo humano precisa para centenas de reações bioquímicas. Desempenha um papel essencial na função nervosa e muscular, mas também contribui para o sistema imunitário e força óssea, regula os níveis de açúcar no sangue e ajuda o corpo a produzir energia, entre outras coisas. Portanto, a sua falta ou défice pode provocar problemas em várias áreas.

E, no caso das pessoas que sofrem de dores de cabeça e enxaquecas, os baixos níveis de magnésio podem ser preocupantes.

“A enxaqueca é amplamente considerada uma desordem da excitabilidade cerebral", fazendo com que as pessoas que sofrem de enxaquecas tenham cérebros sensíveis, ou hiper-excitáveis, explicou o Dr. Richard Lipton, vice-presidente de neurologia do Albert Einstein College of Medicine e neurologista na American Migrane Foundation, à revista Self.

O magnésio desempenha um papel chave no que diz respeito à excitabilidade do cérebro, pois os nervos comunicam uns com os outros através da libertação de químicos chamados neurotransmissores. O Dr. Richard Lipton explica: “sabemos que o magnésio bloqueia a libertação de certos neurotransmissores no cérebro incluindo o glutamato, que é um dos principais neurotransmissores excitantes”.

Os estudos também sugerem que durante uma crise de enxaquecas as pessoas têm baixos níveis de magnésio tanto no sangue como no cérebro. O especialista conta que se pensa que quando os níveis de magnésio estão baixos, as células nervosas tendem a libertar mais químicos excitantes que podem estar na origem da sensibilidade cerebral e, portanto, das enxaquecas.

Aumentar o consumo de magnésio pode reduzir o surgimento de enxaquecas, por isso pode recorrer a um suplemento deste nutriente ou apostar numa alimentação rica em fontes de magnésio – como alimentos de folhas de cor verde escura, sementes de abóbora, amêndoas, chocolate preto, abacate ou figos.

Partilhar esta notícia
Referência
POR Vânia Marinho

Info-Saúde Relacionados