Quantos antibióticos tem o seu hambúrguer?Notícias de Saúde

Quinta, 22 de Setembro de 2016 | 29 Visualizações

Fonte de imagem: Huffingtonpost

Há cerca de dois anos que as cadeias de ‘fast food’ prometem servir carne livre de antibióticos. Mas será que cumprem?

Um novo estudo revela que nem todas as cadeias de ‘fast food’ (ou comida de plástico) têm cumprido a sua promessa de eliminar os antibióticos da sua carne – que geralmente é consumida nos hambúrgueres e outras refeições com carne.

O segundo relatório anual realizado por uma coligação de grupos de consumidores e de saúde analisou o quão fielmente as cadeias de ‘fast food’ seguiam as suas próprias políticas e classificou cada uma com uma nota – em que F é muito mau ou fraco e A é excelente.

Cadeias como Burger King, KFC, Dunkin Donuts, Starbucks e Domino’s Pizza - entre outros - foram classificadas com um F.

Só as cadeias norte-americanas Panera Bread e Chipotle é que receberam uma nota excelente (A) – mas não existem em Portugal.

Já a Subway recebeu a nota B, a McDonald’s recebeu um C+ e a Pizza Hut um D+.

Os especialistas em saúde pública alertam que é preciso limitar o uso de antibióticos, pois a nossa resistência a estes medicamentos está a aumentar, podendo deixar-nos em risco de não conseguir combater infeções comuns.

Como reporta o Daily Mail, este relatório – chamado ‘Chain Reaction II: How Top Restaurantes Rate on Reducing Use of Antibiotics in Their Meat Suplly’ - foi realizado em conjunto pelos Consumers Union, the Center for Food Safety, Friends of Earth, Food Animal Concerns Trust e Natural Resources Defense Council.

Partilhar esta notícia
Referência
Vânia Marinho