Pode não estar a consumir o suficiente deste nutriente essencialNotícias de Saúde

Sexta, 30 de Dezembro de 2016 | 468 Visualizações

Fonte de imagem: Vizinho Novo

Já ouviu falar de uma vitamina chamada colina?

Há muitos minerais e vitaminas que se não forem consumidos em quantidade e frequência suficiente podem pôr a saúde do seu corpo e o seu bem-estar em risco. Nomeadamente o cálcio, que é essencial para os ossos, ou o ómega 3, que tem um papel importante em tudo desde melhorar o humor a combater a inflamação, por exemplo.

Mas estes nutrientes e a sua importância já são bem conhecidos por quase toda a gente. Mas e a colina? Provavelmente nunca ouviu falara deste nutriente, mas é essencial para o seu corpo e pode não estar a consumi-lo em doses suficientes.

A colina é um nutriente essencial que faz parte das vitaminas do complexo B e que desempenha um papel muito importante no metabolismo da gordura. “Sem colina e as reações no corpo para que contribui, a gordura e o colesterol acumulam-se e alojam-se no fígado, em vez de serem transportados para a corrente sanguínea", explica a dietista Sarah Pflugradt à revista Prevention.

E isto é mesmo muito importante porque à medida que a gordura e o colesterol se acumulam no fígado, as pessoas correm mais riscos de desenvolver doença hepática gordurosa não alcoólica - uma condição que está intimamente ligada à síndrome metabólica.

Mas há mais, a colina também é benéfica para a saúde cardiovascular e cerebral.

Apesar de uma pequena parte ser produzida pelo corpo, o que pode ser preocupante é que a maior parte das pessoas não consome a quantidade suficiente de colina – que tem de vir da alimentação.

E onde é que podemos encontrar a colina? Nas gemas dos ovos, carne de vaca, vieiras, salmão, frango, brócolos, couves de bruxelas e manteiga de amendoim.

Partilhar esta notícia
Referência
Vânia Marinho