Os seis segredos das pessoas que nunca estão doentesNotícias de Saúde

Quinta, 15 de Outubro de 2015 | 111 Visualizações

Fonte de imagem: huffingtonpost

Tem algum familiar ou amigo que mesmo quando toda a gente à sua volta está com gripe, por exemplo, ele nunca fica doente?

Há pessoas que nunca viu a assoar o nariz, a espirrar, com febre ou a ficar em casa por qualquer tipo de doença. O que farão para nunca ficar doentes? 

O El Confidencial revelou os seis segredos das pessoas com saúde de ferro. Siga-os.  

Cuidam do seu sistema digestivo. De alguma forma metemos à boca parte do mundo exterior todos os dias e, ainda que a maioria dos germes e bactérias sejam inofensiva, alguns podem fazer com que fique doente, explica a especialista Jessica Migala. É aí que o nosso intestino entra em ação e por isso é essencial que se cuide do sistema digestivo, tomando probióticos e mais alimentos fermentados para o deixar à prova de vírus.  

Comem de forma colorida. Segundo destaca a nutricionista Nina Dougherty, quanto mais colorido é um prato mais saudável e nutritivo é. As pessoas que comem de forma colorida fortalecem o sistema imunitário e as células para que possam travar a batalha contra os germes e as bactérias. 

Saem com os amigos. De acordo com um estudo publicado na revista Psychological Science, as pessoas as pessoas que têm amigos e que costumam conviver pessoalmente têm menos probabilidades de ficar com gripe. 

Dormem oito horas. Segundo um estudo recente as pessoas que dormem oito horas por dia têm três vezes menos probabilidades de apanhar um resfriado em comparação com as que dormem apenas sete horas. Isto porque o corpo precisa de tempo suficiente para repor os níveis de hormonas como o cortisol, conhecida como a hormona do stress, que podem ajudar a repelir infeções. 

Lavam as mãos. Também não precisa de entrar em paranoias mas os especialistas recomendam que lave as mãos (com água e sabão) antes de comer, antes e depois de preparar alimentos, depois de ir à casa de banho e de espirrar ou tossir.   

Meditam. Além de ajudar a relaxar e a aliviar as dores nas costas, segundo uma investigação publicada na revista Plos One, as pessoas que praticavam yoga moderado durantes duas horas fortaleciam o seu sistema imunitário e sentiam-se com mais energia depois de cada sessão.

Partilhar esta notícia
Referência