Mitos sobre as dietasNotícias de Saúde

Segunda, 06 de Julho de 2015 | 20 Visualizações

Muitas pessoas, quando decidem fazer dieta acabam por seguir um plano indicado por algum familiar ou conhecido ou algum que viram num site ou revista. O problema, segunda alerta a BBC, é que muitas destas dicas ou crenças sobre a melhor forma de perder peso não dão o resultado esperado.

"Fazer mudanças a longo prazo e modificar o estilo de vida é a maneira ideal de combater os quilos a mais porque leva a uma perda de peso permanente", disse à BBC Mundo a médica Lucy Chambers, especialista em alimentação da Fundação Britânica de Nutrição.

Tendo isto em conta a BBC reuniu alguns dos mitos mais comuns sobre fazer dieta.

1. Certos alimentos queimam gorduras: Repolho, apoio, toranja, chá verde, pimentas, e muitos outros alimentos já foram apontados pelas suas propriedades que, muitos dizem que ajudam a queimar gorduras. De acordo com a Fundação Cardíaca Britânica, não existe um tipo de comida que tenha propriedades especiais de queimar a gordura em excesso no corpo.

2. Não se deve comer ou lanchar entre refeições: De acordo com a mesma entidade, essa premissa também é um mito. Pode, e até há quem defenda que deve, comer uma fruta ou um iogurte, por exemplo, entre as refeições principais. Além disso pode ajudar a controlar o apetite.

3. Os hidratos de carbono são 'vilões': Este tipo de alimento – que inclui açúcares, amido e fibra – é um componente fundamental para uma dieta saudável. "O nosso corpo precisa de hidratos de carbono para obter energia, especialmente para o bom funcionamento do cérebro e dos músculos, explica Lucy Chambers, da Fundação Britânica de Nutrição.

4. Quanto menos gordura, melhor: Chambers diz que, ao contrário do que muitos pensam, é recomendado que uma dieta para perder peso contenha pelo menos 35% de gordura.O que é preciso ter em conta, segundo Chambers, é que há diferentes tipos de gordura e é o tipo ingerido que faz a diferença. Opte pelas gorduras insaturadas.

5. Beber muita água ajuda a emagrecer: Faz bem beber mais água quando se faz uma dieta, porque ajuda a evitar outras bebidas com açúcar, mas esta ação não contribui para eliminar os quilos a mais – é preciso juntar isso a outras medidas.

6. Saltar refeições torna a dieta mais eficaz: Saltar refeições aumenta a fome, o que, por sua vez, leva a que coma mais na próxima refeição.

7. Para perder peso é preciso fazer exercícios intensos e prolongados: As atividades físicas de baixa intensidade também queimam calorias. A Fundação Britânica de Nutrição diz quecaminhar, fazer jardinagem ou dedicar-se a outras atividades domésticas também pode fazer a diferença.O Centro de Saúde da Universidade de Virgínia Ocidental salienta ainda que o exercício não transforma a gordura em músculo, como muitos pensam, já que ambos os tecidos são compostos por células diferentes. O que acontece é que queima gordura e desenvolve os músculos mas um não se transforma no outro.

Partilhar esta notícia
Referência