Menopausa precoce associada a menor risco de cancro da mamaNotícias de Saúde

Sexta, 02 de Outubro de 2015 | 100 Visualizações

Fonte de imagem: lavanguardia

Por cada ano que a menopausa tarda a chegar, o risco de sofrer de cancro da mama aumenta 6%.

Afinal, existe mesmo uma relação direta entre a menopausa e o cancro da mama. Esta é a sugestão de um estudo conjunto entre as universidades britânicas de Cambrigde e de Exeter.

Segundo a investigação, a idade com que a menopausa ‘chega’ à mulher consegue indicar a taxa de risco de cancro da mama. Mais concretamente, por cada ano que a menopausa tardar a aparecer, o risco de sofrer esta doença sobe 6%.

Deste modo, defendem os investigadores, as mulheres que ficaram com a menopausa mais precocemente – antes dos 40 anos – são menos propensas ao tumores malignos nas mamas, contudo, são mais vulneráveis a outras doenças, também relacionadas com menopausa, como é a Diabetes e a osteoporose.

Deborah Thompson, coautora do estudo que analisou 70 mil mulheres, diz que o risco de sofrer de cancro da mama aumenta consoante os anos que passam sem menopausa devido a uma maior exposição da mulher ao estrogénio, hormona que a ciência tem associado como ‘combustível’ para o desenvolvimento do tumor.

Partilhar esta notícia
Referência

Notícias Relacionadas

Info-Saúde Relacionados