Medicamento pode prevenir infertilidade provocada pela quimioterapiaNotícias de Saúde

Domingo, 19 de Março de 2017 | 47 Visualizações

Fonte de imagem: AMR

Estudo sugere que um medicamento utilizado para reduzir o tamanho dos tumores pode proteger os ovários dos efeitos que a quimioterapia pode ter na fertilidade da mulher.

Um droga utilizada para abrandar o crescimento dos tumores também pode prevenir a infertilidade provocada por um quimioterapia padrão utilizada para tratar o cancro da mama, segundo um novo estudo.

De acordo com o estudo realizado por investigadores da Universidade de Nova Iorque-Langone em ratos, uma droga chamada everolimus protege os ovários da cyclophosphamide – uma quimioterapia usada com frequência para combater o cancro da mama e que é conhecida por esgotar o fornecimento de células de ovo necessárias para conseguir uma gravidez.

Os ratos fêmea tratados com everolimus e com uma droga experimental chamada INK128 em simultâneo com a quimioterapia tinham duas vezes mais descendentes depois de tratados do que os que só receberam a quimioterapia.

Segundo reporta o Indian Express, estas conclusões tão significativas do estudo, publicado no Proceedings of the National Academy of Sciences, podem acelerar o processo de permissão para testar o tratamento combinado em mulheres com cancro em situação pré-menopausa.

Partilhar esta notícia
Referência
Vânia Marinho

Notícias Relacionadas