Malária é principal problema de saúde em AngolaNotícias de Saúde

Sexta, 26 de Abril de 2013 | 36 Visualizações

«Em Angola, devido à precariedade do saneamento do meio e ao número ainda insuficiente de unidades sanitárias, a malária continua a ser o principal problema de saúde no país e a primeira causa de mortes, doenças e faltas no trabalho e nas escolas», destaca o comunicado.

Segundo o Inquérito de Indicadores da Malária de 2011, nesse período foram reportados mais de 3,5 milhões de casos suspeitos de malária, 45 por cento dos quais foram positivos, causando cerca de sete mil mortes.

Do total de óbitos, quase 4 mil (57 por cento) eram crianças menores de cinco anos.

O comunicado assinala que para combater a malária, o Governo de Angola, a Organização Mundial de Saúde e a UNICEF, têm previsto este ano acelerar a prevenção, o controlo e tratamento da malária, através da cobertura universal de redes mosquiteiras impregnadas.

Neste caso, está prevista este ano a distribuição gratuita de 5 milhões de redes.

Partilhar esta notícia
Autor
Lusa
Referência

Notícias Relacionadas