Mais de metade dos gastos dos hospitais privados é pago pelo EstadoNotícias de Saúde

Quarta, 14 de Fevereiro de 2018 | 10 Visualizações

Fonte de imagem: Business Insider

A informação surge numa altura em que os grupos privados de saúde contestam a atualização das tabelas de preços da ADSE, alegando que em muitos casos os valores propostos são inferiores ao ato médico.

O Estado português cobriu 51% dos gastos dos hospitais privados em 2015, segundo a última Conta Satélite da Saúde, publicada pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), noticia o “Jornal de Negócios” esta quarta feira.

Através da ADSE, o subsistema de saúde dos funcionários públicos, o Estado financia 20% da despesa corrente dos hospitais privados. Somando os pagamentos do Serviço Nacional Saúde (SNS) a prestadores de saúde privados e as deduções fiscais por despesas de saúde, o Estado suportou 51% dos hospitais privados, segundo o “Negócios”.

Mais do que as familias (36,6%), do que os subsistemas de saúde privados (3,5%) e do que seguros (8,9%), o Estado acaba por ser quem mais gasta no setor privado da saúde, através do SNS (30,9%), ADSE e outros subsistemas de saúde (16,4%), deduções fiscais (3,4%) e outros (0,3%), segundo os dados do INE.

Em declarações ao jornal da Cofina, Adalbero Campos Fernandes, ministro da Saúde, afirmou que a “ADSE está a apertar a malha do escrutínio e a garantir que o dinheiro dos beneficários não é mal utilizado”.

A notícia é avançada numa altura em que os grupos privados de saúde contestam a atualização das tabelas de preços da ADSE, alegando que em muitos casos os valores propostos são inferiores ao ato médico.

Partilhar esta notícia
Autor
Jornal de Negócios
Referência
Revista de Imprensa JE

Notícias Relacionadas