Levedura de arroz vermelho, a solução para um colesterol naturalmente saudávelNotícias de Saúde

Domingo, 12 de Julho de 2015 | 2067 Visualizações

Fonte de imagem: Oamismed

A levedura de arroz vermelho é um alimento com eficácia comprovada na manutenção dos níveis normais de colesterol e com um ótimo índice de tolerabilidade, sem os efeitos secundários dos medicamentos para o colesterol tradicionais. 

O colesterol é uma substância gorda produzida naturalmente pelo organismo e transportada através do sangue, sendo necessário a várias funções vitais como a produção de algumas vitaminas ou hormonas. Se os níveis no sangue forem em excesso, o colesterol pode depositar-se nas paredes das artérias e formar uma placa que causa a sua obstrução. Este processo – a aterosclerose - progride silenciosamente durante anos. Os primeiros sintomas podem ocorrer, de uma forma súbita e inesperada, e revelarem-se sob a forma de acidente vascular cerebral (AVC) ou o enfarte do miocárdio.

Ao efeito prejudicial do colesterol somam-se outros fatores de risco que podem contribuir para o desenvolvimento da doença cardiovascular como: hipertensão (>140/90mmHg), obesidade, sedentarismo, tabagismo, diabetes, historial familiar de doença coronária prematura, a idade, o género e história familiar de acidentes vasculares periféricos ou cerebrais.

Quando é diagnosticado um nível de colesterol elevado há medidas que podem e devem ser tomadas para reverter a situação, nomeadamente, a toma de suplementos alimentares à base da levedura de arroz vermelho como o "Monascus purpureus", vulgo levedura de arroz vermelho.. É um alimento extraído de um fungo que cresce no arroz, usado desde há séculos na cozinha chinesa, não só pelo seu interesse gastronómico, mas também pelos seus efeitos medicinais e impacto no sistema vascular.

A levedura de arroz vermelho contém na sua composição a Monacolina K, uma molécula natural que, de acordo com o parecer científico da EFSA, tem eficácia comprovada na manutenção dos níveis normais de colesterol no sangue, evitando o desenvolvimento de doenças cardiovasculares. Devido ao seu mecanismo de ação que atua na origem da síntese do colesterol, a Monacolina K tem a capacidade de diminuir em 17% os valores do colesterol total e em 22 por cento os valores das concentrações de LDL. 

O alimento é ainda composto por outras substâncias como esteróis, isoflavonas e ácidos gordos monoinsaturados que ajudam na manutenção de níveis de colesterol. Vários estudos evidenciaram a importância da utilização da levedura de arroz vermelho pelas pessoas que têm dificuldade em tolerar as terapêuticas com as estatinas tradicionais, devido aos efeitos secundários que estas produzem, como o cansaço e as dores musculares. A levedura de arroz vermelho não apresentou até à data efeitos adversos significativos, contribuindo para a manutenção de níveis normais de colesterol no sangue e apresentando-se como uma boa alternativa para estes casos. Grávidas, pessoas com doenças hepáticas, infeções agudas, doenças renais ou que foram submetidos a transplantes e crianças não devem tomar levedura de arroz vermelho. 

Contudo, o recurso a suplementos alimentares à base da levedura de arroz vermelho, que podem ser adquiridos em farmácias e parafarmácias, não dispensa a implementação de alterações no estilo de vida como: modificação nos hábitos alimentares com a diminuição da ingestão de gorduras; prática de exercício físico regular e abstenção tabágica, que em conjunto contribuem para a redução dos níveis de colesterol no sangue e para um estilo de vida mais saudável.

E, claro, faça exames regularmente para verificar as taxas de colesterol uma vez que o colesterol elevado não se traduz por sintomas. Tenha uma atitude preventiva e evite que esta ameaça silenciosa que o colesterol representa se transforme num problema a longo prazo. Adote desde já um estilo de vida mais saudável, protegendo as suas artérias e o seu coração.

Partilhar esta notícia
Referência
Teresa Laginha, Médica de medicina geral e familiar

Info-Saúde Relacionados