José Cunha Vaz vence Prémio Nacional de Saúde 2014Notícias de Saúde

Sábado, 04 de Outubro de 2014 | 80 Visualizações

O médico José da Cunha Vaz, investigador principal do estudo que levou à introdução do laser no tratamento das doenças da retina, foi distinguido com o Prémio Nacional de Saúde 2014, anunciou ontem a Direção-geral de Saúde.

Em comunicado, a entidade explica que este prémio visa distinguir, anualmente, "uma personalidade que tenha contribuído, inequivocamente, para a obtenção de ganhos em saúde ou para o prestígio das organizações de saúde no âmbito do Serviço Nacional da Saúde".

Este ano, o júri deliberou a atribuição do prémio a José Manuel Guilherme Fernandes da Cunha Vaz, "por se tratar de uma personalidade que, ao longo do seu contributo profissional no Serviço Nacional de Saúde, deu um notável contributo para o desenvolvimento da oftalmologia no país", tendo conquistado "um lugar impar e elevado Portugal a referência internacional no domínio da investigação clínica" naquela área.

Licenciado em Medicina pela Universidade de Coimbra em 1963, José da Cunha Vaz obteve o doutoramento pela Universidade de Londres em 1965.

"De regresso a Portugal, associou outros trabalhos de investigação entretanto realizados e apresentou uma nova dissertação de doutoramento à Universidade de Coimbra sob o título 'Alguns aspetos da fisiopatologia vascular da retina'", refere o comunicado, que adianta que, "no âmbito dos seus trabalhos de investigação, o laureado descreveu pela primeira vez a barreira hemato-retiniana, a qual veio a revelar-se fundamental na aplicação eficaz das atuais terapêuticas que permitem a recuperação da visão em doentes com complicações da retinopatia diabética".

Além disso, "foi investigador principal do estudo que levou à introdução do laser no tratamento das doenças da retina".

Dirigiu o serviço de oftalmologia dos Hospitais da Universidade de Coimbra entre 1972 e 2008, interrompendo entre 1978-1981 e 1984-1986.

Partilhar esta notícia
Referência
DGS

Info-Saúde Relacionados