Há um 'gene protetor solar' que pode prevenir o cancro da peleNotícias de Saúde

Segunda, 23 de Maio de 2016 | 28 Visualizações

Fonte de imagem: passeinafuvest

Um grupo de cientistas da Universidade Sul da Califórnia descobriu aquele que é o ‘gene protetor solar’.

Foi dado mais um passo na luta contra o cancro da pele. Uma equipa de cientistas da Universidade Sul da Califórnia, nos Estados Unidos, detetou aquele que é o ‘gene protetor solar’ e que pode dar azo a novas terapêuticas e formas de diagnóstico.

Trata-se de um gene resistente contra os raios ultravioleta (UV) e que acelera a recuperação dos danos celulares provocados pela exposição excessiva e/ou desprotegida ao sol.

Publicado na revista científica Molecular Cell, o estudo indica que esta descoberta poderá ajudar a fazer frente a 90% dos casos de melanoma, o cancro da pele mais maligno e que surge à boleia da exposição aos raios UV, lê-se no site da universidade.

A conclusão do estudo surgiu depois de terem sido analisados 340 pacientes com melanoma e feitas experiências em grupos de células cancerígenas com níveis baixos do gene ‘anti-UV’, o que permitiu detetar que as pessoas que possuem uma menor quantidade (e qualidade) dessas células estão mais à mercê da doença.

Os investigadores fizeram, ainda, uma espécie de cópia ao gene ‘anti-UV’, tendo conseguido, com isso, recuperar cerca de 50% dos danos provocados pelo melanoma. Já na experiência em que foram usados ‘genes protetores solar’ defeituosos, a taxa de reparação foi de apenas 20%.

Partilhar esta notícia
Referência
POR DANIELA COSTA TEIXEIRA

Info-Saúde Relacionados