Fumar quando se tem diabetes pode ser combinação fatalNotícias de Saúde

Quinta, 24 de Novembro de 2016 | 25 Visualizações

Fonte de imagem: CPAPS

Os fumadores têm um risco muito maior do que os não fumadores de morrer por qualquer causa. Mas se também sofrem de diabetes, este risco duplica.

Não há qualquer dúvida que fumar é muito prejudicial para a saúde – dos fumadores e de quem os rodeia.

O tabagismo é, como avisam inúmeros estudos e especialistas, o primeiro fator de risco para sofrer uma morte prematura. Mas este risco pode agravar-se bastante quando o fumador tem uma doença crónica associada.

É o caso das pessoas portadoras de VIH, para as quais fumar encurta mais a esperança de vida do que o próprio vírus. O mesmo acontece com a diabetes. Um estudo realizado pela Universidade do Colorado, em Denver nos Estados Unidos, mostra que o risco de morrer por qualquer causa na população fumadora, já por si elevado, chega a duplicar em caso de diabetes, podendo tornar-se uma combinação fatal.

Como reporta o ABC, os resultados deste estudo mostraram que, por si só, a diabetes está associada a um risco até duas vezes maior de mortalidade por qualquer causa, assim como um tumor não localizado no pulmão, na população fumadora.

Partilhar esta notícia
Referência
Vânia Marinho

Notícias Relacionadas