Eis porque as pessoas emocionalmente inteligentes são mais felizesNotícias de Saúde

Terça, 29 de Setembro de 2015 | 85 Visualizações

Fonte de imagem: nectarcrm

Ser emocionalmente inteligente é ter a capacidade de balancear e gerir as suas emoções e as dos outros.

Conseguir responder de forma inteligente às próprias emoções e às emoções dos outros sem, com isso, mostrar sinais de frieza e desprezo é a principal caraterística das pessoas emocionalmente inteligentes.

Mas estas pessoas não são apenas capazes de balancear e gerir as suas emoções e as dos outros, são também mais inteligentes e é isso que prova o livro de Daniel Goldman ‘Emotional Intelligence Why It Can Matter More Than IQ’ (Inteligência Emocional, porque consegue ser mais do que o Q.I., em tradução livre), diz o Huffington Post.

E são estes os motivos pelos quais as pessoas emocionalmente inteligentes são mais felizes:

1. Têm um maior-autoconhecimento e, com isso, apresentam uma maior capacidade de conhecer os próprios limites emocionais e, também, sociais.

2. Gerem as próprias emoções e sabem quais as que estão em falta e aquelas que tentam ocupar um lugar de destaque mas que não devem.

3. São mais sociáveis e não deixam que as suas emoções e as emoções de terceiros interfiram com a vida social. Sabem ainda gerir as suas emoções para lidar em concordância com as emoções de quem lhes é próximo.

4. Têm maiores níveis de empatia, o que faz com que consigam ligar-se mais facilmente a outras pessoas. E o facto de serem emocionalmente inteligentes faz com que consigam confiar mais na sua intuição quando conhecem uma nova pessoa.

5. E como criam mais empatia, são também mais ligados às pessoas, não tendo dificuldade em criar laços e relações. As pessoas emocionalmente inteligentes têm a capacidade criar laços usando a sua consciência emocional para promover a atividade cognitiva que resultará na compreensão da dinâmica dos outros, lê-se no livro citado pela publicação.

Partilhar esta notícia
Referência

Notícias Relacionadas