Duas novas drogas podem curar todas as formas de tuberculoseNotícias de Saúde

Quinta, 23 de Fevereiro de 2017 | 31 Visualizações

Fonte de imagem: World Atlas

A tuberculose, doença infeciosa que mais mata em todo o mundo, pode ter encontrado adversários à altura.

Tratamentos com duas novas drogas podem ser capazes de curar todas as formas de tubercuose, incluindo as mais difíceis de tratar.

A tuberculose é a doença infeciosa que mais mata em todo o mundo. A TB Alliance desenvolveu ensaios com duas novas drogas que podem tornar-se adversários à altura desta doença.

Atualmente, como reporta o New Scientist, os medicamentos demoram seis meses a curar um tuberculose comum e dois anos a curar as pessoas cuja infeção é resistente às drogas. As pessoas podem ter de tomar cerca de 20 comprimidos por dia, além das injeções.

Juntos, os novos tratamentos, chamados BPaMZ e BPaL, podem tornar o tratamento de tuberculose muito mais simples e eficaz.

O BPaMZ envolve tomar quatro drogas uma vez por dia. O ensaios feitos com 240 pessoas em 10 países africanos sugerem que este tratamento cura quase todos os casos de tuberculose em quatro meses, e quase todas as pessoas resistentes aos tratamentos em seis meses.

O tratamento com BPaL, que envolve tomar três drogas uma vez por dia, até agora curou 40 de 69 pacientes com tuberculose extremamente resistente a tratamentos, em seis meses. Os restantes pacientes do ensaio continuam a ser avaliados.

A TB Alliance diz que estes tratamentos têm potencial para tratar 99% das pessoas com tuberculose e, se forem produzidos em massa, podem custar um décimo dos tratamentos atuais. No entanto destacam que é preciso fazer mais estudos e de larga escala.

Partilhar esta notícia
Referência

Notícias Relacionadas

Info-Saúde Relacionados