Dos primeiros 12 minutos às 24h. Assim reage o corpo quando toma ViagraNotícias de Saúde

Sexta, 24 de Março de 2017 | 112 Visualizações

Fonte de imagem: xn--ed-ig4ah5dtkwg.bi

Os efeitos desta droga podem durar quase um dia inteiro.

A disfunção erétil e a impotência sexual são assuntos que não costumam surgir nas conversas e são mantidos no intimidade de cada um ou de cada casal.

Ainda assim, é bem mais comum do que muitos pensam. Mais de metade dos homens entre os 40 e os 70 anos já teve ou tem disfunção erétil, com uma vasta percentagem destes a apostar na toma do conhecido comprimido azul, Viagra, para colmatar o problema.

A função do Viagra é bem conhecida, mas o que realmente faz ao corpo, nem tanto. Um estudo conduzido pelo site Superdrug revela como é que o corpo reage quando se toma Viagra, desde os primeiros minutos até várias horas depois.

Primeiros 12 minutos. O corpo absorve rapidamente o Viagra e muitos homens com disfunção erétil notarão logo os efeitos, conseguindo uma ereção em 12 minutos.

27 minutos. Se o homem não teve uma ereção dentro dos 12 minutos após a toma do Viagra, a resposta a esta droga pode surgir aos 27 minutos. No entanto os médicos aconselham a esperar uma hora para ver os resultados.

57 minutos. Por esta altura terá conseguido chegar ao ‘máximo potencial de ereção’. Neste momento a droga terá conseguido alcançar a máxima concentração no sangue, sendo que é por isso que os médicos aconselham a esperar uma hora antes de iniciar a relação sexual.

Quatro horas depois. É possível que continue a ser capaz de ter relações sexuais, embora os efeitos do Viagra comecem a diminuir devagar. A partir daqui a concentração da droga diminui em 50%.

Dez horas depois. Mesmo passadas 10 horas, os cientistas descobriram que alguns homens conseguem ter uma ereção e até de uma forma tão fácil como duas horas depois de tomar o medicamento.

12 horas. Continua a ser possível ter relações sexuais, mas com ereções de duração médias de 16 minutos, podem não durar muito.

24 horas. Um dia depois os efeitos do Viagra desaparecem. Quase todos os vestígios da droga desaparecem da circulação do sangue, bem como a melhoria de performance sexual.

Partilhar esta notícia
Referência
Vânia Marinho