Dez alimentos que ajudam a prevenir o cancro da próstataNotícias de Saúde

Quinta, 15 de Setembro de 2016 | 1944 Visualizações

Fonte de imagem: Huffingtonpost

O cancro da próstata é um dos mais silenciosos e cuja evolução é lenta.

A próstata é uma glândula que faz parte do aparelho reprodutor do homem e que contribui para a formação da testosterona e do esperma. Encontra-se na parte inferior da bexiga e dispõe-se, em anel, contornando o canal uretral, com comunicação com os testículos.

Quando a próstata ‘adoece’, não é apenas a função sexual fica afetada. O cancro torna-se uma situação real e temida por muitos homens. O cancro da próstata ou neoplasia da próstata é um tumor que surge no encapsulamento da próstata.

Segundo a Associação Portuguesa de Doentes da Próstata, esta é “uma patologia assintomática de evolução muito lenta e que tende, em adiantada fase do seu crescimento, a lançar metástases que irão afetar outros órgãos, nomeadamente os pulmões e a estrutura óssea, em particular os ossos da bacia ou a coluna”.

Como acontece com tantos outros cancros, a alimentação assume-se como causa e cura da doença, existindo alimentos cujo poder é tal que pode mesmo prevenir o aparecimento da doença.

No caso do cancro da próstata, diz o site da FOX News, são dez os alimentos que exercem um poder preventivo da doença. A maioria é de origem vegetal, uma vez que o mais recente estudo sobre a ligação entre a dieta e o cancro da próstata concluiu que os homens que seguem uma dieta vegan são 35% menos propensos de ter a doença.

Os vegetais crucíferos (como os brócolos, a couve-flor, o repolho e a couve) são os primeiros destacados na publicação por serem ricos em antioxidantes e detentores de um baixo nível de hidratos de carbono, dois fatores que ajudam na proteção do cancro.

salmão é outro alimento a ter em conta, como coloca na nutricionista Lisa Cimperman, que inclui ainda a escolha do naturopata Geo Espinosa: as castanhas do Brasil (ou castanha do Pará), um fruto seco rico em selénio, um dos minerais mais importantes para a saúde da próstata.

Por serem ricos em carotenoide, os tomates são também um alimento que previne o cancro da próstata, tendo a ciência já provado que dez doses de tomate por semana reduz o risco da doença em 18%.

As nozes - conhecidas por reduzir os níveis da hormona IGF-1 - são também uma excelente opção, tal como os frutos vermelhos, que além de terem antioxidantes, possuem baixos níveis de hidratos de carbono e açúcar, ajudando a reduzir o risco da doença em 26%.

Geo Espinosa destaca ainda o café pelo poder que tem na hora de metabolizar os açúcares e a cenoura, estando o consumo de três porções por dia associado a um menor risco da doença na ordem dos 18%.

sumo de romã ajuda a curar os danos celulares, assim como a soja, ingrediente que a ciência ainda está a estudar mas que já se tem mostrado eficaz na prevenção da doença.

Partilhar esta notícia
Referência
Daniela Costa Teixeira

Notícias Relacionadas