Depois dos 60, basta caminhar 15 minutos para reduzir o risco de morteNotícias de Saúde

Sábado, 18 de Junho de 2016 | 34 Visualizações

Fonte de imagem: nwood.

O risco de morte cai em 22% quando são feitos 15 minutos de caminhada a velocidade rápida todos os dias.

A atividade física é de alta importância para saúde e bem-estar dos mais velhos, sendo um dos principais fatores de prevenção das mais variadas doenças e, consequentemente, da morte.

Um no estudo, divulgado esta semana pela Semana Europeia de Cardiologia, vem destacar que apenas 15 minutos diários de caminhada a velocidade rápida é o suficiente para as pessoas com mais de 60 reduzirem o risco de morte em 22%.

A investigação, realizada em França, teve por base a análise de dois grupos de pessoas: um com 1.011 voluntários com mais de 65 anos, e que foram acompanhadas ao longo de 12 anos, e o segundo com 122.417 pessoas com mais de 60 anos, acompanhadas durante uma década, lê-se na Time.

Assim que cruzaram os dados obtidos ao longo destes dados e entre os dois grupos, os investigadores concluíram que, quando comparados com as pessoas sedentárias, aqueles que treinaram diariamente mais do que 30 minutos reduziram o risco de morte em 35%, já os que treinavam (fazendo caminhada, por exemplo) durante os 30 minutos mundialmente recomendados fizeram cair o risco em 28%.

Os voluntários que caminharam 15 minutos por dia viram o risco de morte cair em 22%.

Partilhar esta notícia
Referência
POR DANIELA COSTA TEIXEIRA