Conhece a doença que mais mulheres leva ao ginecologista?Notícias de Saúde

Sábado, 21 de Janeiro de 2017 | 208 Visualizações

Fonte de imagem: Huffingtonpost

Apesar de afetar muitas mulheres, é de fácil tratamento.

Não é uma doença sexualmente transmissível mas é, provavelmente, um dos maiores problemas apresentados pelas mulheres quando vão ao ginecologista.

Trata-se da candidíase: um corrimento vaginal acompanhado de prurido, que pode causar ardor e comichões.

A desordem é provocada pelo aumento do número de fungos conhecidos como candida albicans, um organismo comum na flora vaginal, mas cujo crescimento exagerado pode desenvolver sintomas desta doença.

A desordem, explica o médico Sergio Podgaec à revista Veja, pode ocorrer em virtude de alguma alteração da resposta imunológica, como por exemplo o uso de antibióticos, uma gravidez, situações de stress e em algumas doenças como o diabetes.

A doença caracteriza-se pelo aparecimento de um corrimento vaginal branco, com grumos, de aspeto semelhante à nata do leite ou à coalhada, sem odor, mas com intenso prurido na região vulvar e internamente na vagina.

Mas, refere o mesmo médico, não se trata de uma doença sexualmente transmissível e é e fácil resolução, graças à utilização de antifúngicos utilizados em comprimidos por via oral e com cremes aplicados por via vaginal e vulvar.

Partilhar esta notícia
Referência
Andrea Pinto