Cigarros eletrónicos associados a maior risco de cancro oralNotícias de Saúde

Domingo, 25 de Novembro de 2018 | 28 Visualizações

Fonte de imagem: Washington Post

O uso de cigarros eletrónicos e de produtos de tabaco foi associado a um maior risco de cancro oral, foram as conclusões de um estudo apresentado recentemente na Sessão Geral e Feira da Associação Internacional de Investigação Dentária (IADR) e Congresso Regional Pan-Europeu (PER) da IADR, em Londres, Reino Unido.
 
O tabaco continua a ser a principal causa do cancro oral, mas a indústria do tabaco está a evoluir no sentido de um uso cada vez mais elevado de produtos de tabaco sem cigarros e o uso combinado de múltiplos tipos de produtos.
 
Para o estudo, que foi coliderado por Benjamin Chaffee e Neal Benowitz da Universidade da Califórnia em São Francisco, EUA, foi avaliada a exposição a componentes carcinogénicos conhecidos, segundo o uso recente de diferentes tipos de produtos de tabaco, isoladamente ou combinados.
 
Os investigadores contaram com amostras de urina de adultos que foram analisadas relativamente ao seu teor de nitrosaminas específicas do tabaco - N'-nitrosonornicotina (NNN), um carcinogéneo oral e do esófago, -(metilnitrosamina)-1-(3-piridil)-1-butanol (NNAL), um metabolito do carcinogéneo do pulmão 4-(metilnitrosamina)-1-(3-piridil)-1-butanona (NNK) e os equivalentes totais em nicotina.  
 
Os participantes foram categorizados segundo o uso de combustíveis (que inclui cigarros, charutos, cachimbo, etc.) ou de sem fumo (que inclui o tabaco de mascar, os cigarros eletrónicos e produtos de substituição de nicotina). Para cada produto, o uso recente foi definido como dentro dos três dias anteriores, e a ausência de uso como sendo nenhum consumo nos 30 dias anteriores.
 
Todas as categorias de uso de tabaco demonstraram elevado teor de nicotina e de concentrações de nitrosaminas específicas do tabaco. A exposição às nitrosaminas específicas do tabaco era mais elevada nos utilizadores de tabaco sem fumo, tanto isoladamente como em conjunto com outros tipos de produto.
 
Os utilizadores exclusivos de cigarros eletrónicos estavam expostos a níveis menores de NNN e NNAL do que os utilizadores de outros produtos, apesar de estarem expostos à nicotina. No entanto, a maioria dos utilizadores de cigarros eletrónicos usavam tabaco combustível que resultou numa exposição às nitrosaminas específicas do tabaco semelhante à dos fumadores exclusivos de cigarros.
 
A análise demonstrou que a grande maioria dos utilizadores de tabaco que não cigarros estão expostos a níveis carcinogénicos comparáveis ou superiores aos dos fumadores exclusivos de cigarros.

Partilhar esta notícia
Referência
Estudo apresentado na Sessão Geral e Feira da IADR/PER