Cientistas criam esparguete “amigo do coração”Notícias de Saúde

Terça, 25 de Agosto de 2015 | 22 Visualizações

Fonte de imagem: ministeriodacomida

Já foi apelidado de "superesparguete" e contém mais fibra e proteínas do que a massa normal, ajudando a reduzir o risco de sofrer de doenças cardiovasculares. Os responsáveis pela sua criação são um grupo de cientistas espanhóis e italianos.

Os investigadores da Universidade de Granada e do Centro Tecnológico de Investigação e Desenvolvimento do Alimento Funcional em colaboração com duas universidades italianas (Universidade de Bolonha e Universidade do Molise) desenvolveram um novo tipo de esparguete que é aliado do coração.

Trata-se de uma massa enriquecida, elaborada com cevada – um cereal popular por ter sido considerado um alimento funcional –, que contém mais fibra e proteínas do que a massa normal e ajuda a reduzir o risco de sofrer de doenças cardiovasculares. 

As conclusões da criação desta investigação foram publicadas na revista Food Research Internacional e demonstraram que as novas tecnologias limpas permitem obter farinhas funcionais utilizando o grão do cereal inteiro, evitando a formação de subprodutos residuais no processo de moagem.

Segundo Vito Verardo professor da Universidade de Bolonha, em Itália, e Ana Maria Gomez-Caravaca, professora da Universidade de Granada, em Espanha, pode não demorar muito tempo até os consumidores encontrarem nos supermercados embalagens de massa com frases nos rótulos como: “ajuda a reduzir o risco de doenças cardiovasculares” e “boa fonte de fibras”. Tudo graças à cevada. Uma boa notícia para os apaixonados por pasta.

Partilhar esta notícia
Referência