As melhores dicas para conseguir dormir durante um vooNotícias de Saúde

Quinta, 23 de Fevereiro de 2017 | 28 Visualizações

Fonte de imagem: Travelocity

Os voos de longo curso podem ser uma verdadeira dor de cabeça para quem não gosta de andar de avião, mas existem formas bastantes eficazes de cair no sono e passar uma viagem tranquila.

A viagem de ida para um destino longínquo é sempre mais complicada para aquelas pessoas que têm algum tipo de receio em andar de avião. A ansiedade aliada ao nervosismo, à preocupação e ao medo forma um cocktail explosivo de stress que tira o sono a qualquer um.

Mas a viagem de regresso também não é um ‘mar de rosas’, seja pelo mesmo receio em passar horas a fio ‘pendurado no ar’ ou simplesmente por estar a sofrer os efeitos do jetlag.

Dormir nas viagens de longo curso é sempre uma opção a ter em conta, especialmente para evitar a sensação de desorientação, a fadiga e os problemas digestivos causados pelas trocas de horários e pelo stress vivido.

De acordo com a Travle + Leisure, as pessoas devem começar por comprar um voo que assegure uma aterragem ao final do dia, pois, assim, assegura-se uma noite de sono descansada e com as horas suficientes para repor as energias.

Mas, e para dormir durante o voo? Primeiro, deve-se optar por fazer uma refeição reconfortável e que tenha como protagonistas alimentos que estimulem a produção de melatonina, como a banana, a aveia, o arroz, o tomate, a cevada e a laranja. Quando a alimentação não é suficiente, pode-se sempre optar por suplementos com esta hormona.

As máscaras de dormir são essenciais, assim como as almofadas que protegem o pescoço e que facilitam o sono. Se necessário, deve-se ainda usar tampões para evitar ruídos desnecessários.

Partilhar esta notícia
Referência
Daniela Costa Teixeira