Além da dor que provocam, enxaquecas podem prejudicar o cérebroNotícias de Saúde

Domingo, 22 de Maio de 2016 | 104 Visualizações

Fonte de imagem: huffingtonpost

Estudo conclui que esta condição pode prejudicar a comunicação entre os neurónios e comprometer a cognição.

Como se já não bastassem a dor agoniante, as náuseas, a dificuldade em concentrar-se e a sensação de que a cabeça vai explodir a cada barulho ou luz mais forte, as enxaquecas podem ainda prejudicar a memória e o raciocínio. É o que sugere um estudo brasileiro.

Segundo as conclusões de uma experiência levada a cabo pela Universidade Federal de São Paulo, com 26 pessoas que sofrem de enxaquecas, esta condição pode prejudicar a comunicação entre os neurónios e comprometer a cognição.

Nos testes realizados, 21 participantes apresentaram dificuldades em processar e memorizar informações - e todos estavam fora do período de crises e não tinham perda auditiva, como reporta a revista Saúde.

"A enxaqueca afeta a transmissão de estímulos no cérebro, e as funções cognitivas dependem de que isso ocorra corretamente", arrisca como explicação a neurologista Thaís Villa, que orientou o trabalho.

Os especialistas acreditam que o tratamento da enxaqueca crónica, que previne as crises, é o caminho a seguir para evitar eventuais falhas cognitivas.

Partilhar esta notícia
Referência
POR VÂNIA MARINHO

Notícias Relacionadas