Ainda não se conseguiu livrar dessa constipação? Estes são os motivosNotícias de Saúde

Terça, 31 de Janeiro de 2017 | 39 Visualizações

Fonte de imagem: Today

A culpa não é apenas das temperaturas baixas. Veja o que pode estar a fazer mal.

Entre gripes e constipações, são muitos os portugueses que continuam de pingo no nariz. Este inverno trouxe os vírus com força e curar aquela constipação que se arrasta há semanas não está fácil.

Mas será apenas culpa das baixas temperaturas? Claro que não. Como explica o site Mind Body Green, existem sete motivos pelos quais não consegue curar essa constipação que não teima em parar… e um deles deve-se ao facto de estar sempre stressado.

O cortisol – hormona do stress – consegue interferir negativamente com o sistema imunitário, deixando-o incapaz de agir contra agentes internos e externos, o que faz com que não seja capaz de atenuar os sinais de constipação nem tão pouco curá-la.

Não dormir as horas suficientes todas as noites também não ajuda, como diz o médico Caleb Halulko. Segundo o especialista, o corpo necessita de descanso, pois só assim é que é capaz de reabastecer energia.

Fumar é um outro fator para não se conseguir travar a constipação, uma vez que as pessoas que fumam tendem a ter sintomas de constipação/gripe muito mais intensos do que aquelas que não têm este hábito nocivo.

O pingo no nariz, a mucosa cada vez mais líquida e a vontade constante de espirrar devem-se ainda ao facto de pode estar a abusar do descongestionante, um método eficaz para aliviar o congestionamento do nariz, mas que deve ser usado com moderação.

Embora a atividade física ajude a melhorar a saúde de uma forma geral, é preciso saber dar ouvidos ao corpo e abrandar. Treinar menos ou até mesmo escapar um ou outro dia ao ginásio é importante, uma vez que o treino intensivo pode colocar ainda mais pressão no sistema imunitário, deixando-o em ‘stress’ e incapaz de agir.

E se essa constipação não for, afinal, uma constipação e for o resultado de uma alergia? “Muitos pacientes têm dificuldade em distinguir entre os dois [constipação e alergia], pois ambos podem causar corrimento nasal, tosse e dor de garganta”, esclarece o farmacêutico Jen Wolfe.

Porém, a permanência dos sintomas de constipação podem ser ainda o sinal de algo mais grave, especialmente quando associados a febre, dores de corpo ou pressão nasal. De acordo com a publicação, pode-se estar perante um caso de sinusite, infeção, bronquite ou pneumonia.

Partilhar esta notícia
Referência
Daniela Costa Teixeira