A única pergunta que gostaria que o seu médico lhe fizesseNotícias de Saúde

Terça, 29 de Dezembro de 2015 | 8 Visualizações

Fonte de imagem: sarvgyan

Quando uma pessoa vai ao médico, o objetivo é tratar da saúde, mas, por vezes, a saúde mental fica esquecida.

Uma pesquisa publicada no site JAMA revela qual a pergunta que todos os pacientes gostariam de ouvir quando vão ao médico.

Segundo a Time, estes especialistas defendem que o lado emocional do paciente é, muitas vezes, esquecido e que tal poderia ser remediado com a simples questão: ‘qual é a pior parte disto [da doença, condição ou problema de saúde] para si?’.

Ronald Epstein, professor na Universidade de Rochester e coautor do ensaio, revela que até mesmo nos mais simples problemas do quotidiano relacionados com a saúde é importante os médicos mostrarem interesse nos sentimentos dos pacientes, principalmente quando estão em causa doenças que afetam o estilo de vida e capacidades físicas e mentais, como por vezes acontece com o cancro.

Com a ajuda do oncologista Anthony Back, o médico norte-americano revela que a preocupação dos médicos é uma forma de fazer com que a ‘cicatrização’ seja menos morosa. Perguntar ao paciente ‘qual a pior parte disto’ leva a que muitos desabafem e esqueçam as dores físicas, concentrando-se nos sentimentos e emoções, situação que, depois da consulta, faz com que se sintam mais leves e menos preocupados ou tristes.

“Oferecer compaixão, em vez de apressar alguém para fora da porta ou encaminhá-la para um especialista diferente, pode ajudar a aliviar o sofrimento também”, diz o médico, que defende que os médicos devem ser mais “curiosos” perante a situação dos seus pacientes, que devem olhar para eles como pessoas e não como portadores de doenças.

Partilhar esta notícia
Referência

Notícias Relacionadas