A chave para o balanço energéticoNotícias de Saúde

Quinta, 23 de Julho de 2015 | 39 Visualizações

Fonte de imagem: suplementosproteicos

Estratégias para combater o excesso de peso e a obesidade devem insistir em manter os princípios de uma alimentação adequada, reduzindo a ingestão calórica nos casos em que seja necessário, e incrementar a atividade física para alcançar um estilo de vida saudável. Este é um dos aspetos reconhecidos no documento ‘A Chave para um balanço energético adequado’, realizado por algumas das principais entidades científicas de nutrição de Espanha.

Segundo este documento, “a esperança de vida pode aumentar em média 3,4 anos em pessoas que praticam atividade física moderada e em média 4,2 para os que superam em mais do dobro as recomendações internacionais” de praticar pelo menos 150 minutos/ semana de atividade física. Não obstante, o documento assinala que, para além do exercício físico, a chave de um balanço energético adequado é “a ingestão de energia dever ser igual ao gasto de energia” e que “é necessário transformar a mensagem de ‘comer menos e mover-se mais’ por ‘comer melhor e mover-se mais’ ou seja, manter uma alimentação variada, moderada e equilibrada, confortável e sustentável, juntamente com um estilo de vida ativo.

Segundo estas regras para o balanço energético adequado, “a restrição de alimentos por si só e realizada a longo prazo, não é eficaz para reduzir o excesso de peso e a obesidade”, uma vez que, “a fisiologia humana está preparada para um nível elevado de consumo e gasto energético”, e a restrição unilateral promove que “o organismo se adapte para poder manter o peso, alterando a redução do gasto energético”.

O documento recorda também a necessidade de fazer um consumo de energia adequado "para não comprometer o cumprimento das recomendações nutricionais", especialmente no que diz respeito às "vitaminas e minerais". Paralelamente, o texto recorda que devemos "procurar oportunidades para reduzir o sedentarismo e ser mais ativos".

Partilhar esta notícia
Referência

Notícias Relacionadas

Info-Saúde Relacionados