PulpiteSaúde Oral

Atualizado em: Segunda, 18 de Maio de 2015 | 155 Visualizações

A pulpite é a inflamação dolorosa da polpa dentária, um tecido com numerosos nervos e vasos sanguíneos que está situado no interior dos dentes.

Mecanismo de formação da pulpite 

Causas

As causas mais comuns da pulpite são a cárie dentária e as feridas. Dado que a polpa está dentro do dente, não tem espaço para inchar quando se inflama e, por isso, aumenta a pressão dentro do dente. Se uma inflamação ligeira for tratada adequadamente, o dente não sofrerá uma dano irreversível; no entanto, uma inflamação grave destrói a polpa. O aumento da pressão pode empurrar a polpa para a extremidade da raiz, onde poderá danificar o osso do maxilar e os tecidos circundantes.

A pulpite causa uma dor intensa. Para determinar se a polpa está sã, o estomatologista efectua determinadas provas. Por exemplo, pode aplicar um estímulo frio; se a dor produzida pelo estímulo se interromper em poucos segundos, isso significa que a polpa ainda está sã. Então, procede ao esvaziamento da parte danificada do dente e à sua obturação. No entanto, quando a polpa está tão afectada que não se pode salvar, a dor persiste depois do estímulo frio ou aparece mesmo espontaneamente.

O estomatologista pode utilizar um estimulador eléctrico que indica a vitalidade da polpa, mas não se a polpa está sã. A polpa está viva se o doente sentir a pequena descarga eléctrica que o dente recebe. Muitas vezes, a dor ao choque indica que a inflamação se estendeu aos tecidos circundantes e ao osso. As radiografias podem confirmar a cárie e também mostrar se a inflamação causou a perda do osso à volta do dente.

A pulpite desaparece quando a causa for tratada. Se a pulpite for detectada na sua fase inicial, pode suprimir-se a dor com uma obturação provisória que contenha um calmante. Esta massa pode permanecer de 6 a 8 semanas, devendo ser substituída depois por outra permanente. Por vezes, pode colocar-se de imediato a obturação definitiva.

Quando o dano da polpa é extenso e irreversível, o único modo de suprimir a dor é actuar sobre a raiz ou extrair o dente.

Partilhar este artigo
Referência

Notícias Relacionadas