Ódio e amor nascem no mesmo sítioNotícias de Saúde

Segunda, 08 de Junho de 2015 | 64 Visualizações

As estruturas ativadas pelo ódio são comuns às que se ativam quando sentimos amor romântico.

O neurobiólogo Semir Zeki, do Laboratório de Neurobiologia da University College London, liderou um estudo que mapeou os cérebros de 17 adultos ao mesmo tempo que contemplavam imagens de pessoas que admitiam odiar. No ecrã os investigadores puderam então ver qual era o “circuito do ódio” ao perceberem que eram as áreas no giro frontal medial, no putâmen direito, no córtex pré-motor e ínsula medial que foram ativadas. 

Surpreendentemente, as áreas do putâmen e ínsula ativadas pelo ódio são exatamente as mesmas que se ativam no caso do amor romântico, o que leva os investigadores a perceberem a razão pela qual amor e ódio antam tantas vezes tão relacionados. 

Partilhar esta notícia
Referência