10 passos para fintar o jet lagNotícias de Saúde

Quarta, 08 de Julho de 2015 | 45 Visualizações

Fonte de imagem: Hellotravel

Com o aproximar das férias de Verão aproximam-se também, para muita gente, as férias para países distantes. Juntamente com a emoção, vem por norma o temido jet lag.

A troca de fusos horários pode causar perturbações no relógio biológico de toda a família e isso afecta consequentemente o humor.

Nos casos mais graves, chega mesmo a afectar os primeiros dias de viagem, assim como os de retorno.

A Organização Mundial de Saúde indica mesmo que as implicações para a saúde vão além do sono. Problemas como a indigestão, perturbações na função intestinal, pressão arterial alterada ou sensação geral de mal-estar são também normais de acontecer.

Para minimizar esses sintomas, o especialista em sono, Doutor Neria Ramlakham, partilhou com o jornal “Dailymail” algumas dicas.

1 – Prepare o seu corpo uma semana antes

A preparação é fundamental, por isso os viajantes devem começar a preparar na semana anterior.

Se já está cansado quando está a começar a sua longa viagem significa é uma pessoa mais propensa a sofrer com o jet lag e tem tendência a ter sintomas mais graves.

Uma boa rotina de sono e evitar noitadas antes de ir de férias, pode ajudar a minimizar os sintomas. O especialista recomenda, ainda, que se exercite regularmente, de preferência ao ar livre, que coma de forma saudável, que evite cafeína e esteja bem hidratado.

2 – Não pare, mantenha-se activo

No aeroporto evite estar parado e mexa-se tanto quanto possível.

O especialista diz entender que estar sentado é uma tentação, quando temos tantas horas de espera pela frente, mas que esta é a pior coisa que podemos fazer. Ver lojas pode ser uma boa solução.

Se permanecer activo no aeroporto, não irá sentir-se tão lento quando você embarcar.

Além disso, a energia que gastou para se mexer no aeroporto, vai ajudá-lo a ficar mais cansado e a conseguir descansar no avião.

3 – Esqueça o café, opte pela salada

No dia da viagem e quando chegar ao destino coma uma refeição saudável com frutas e legumes frescos. Uma refeição equilibrada irá ajudá-lo a ter uma liberação lenta de energia durante todo o primeiro dia de férias.

Evitar cafeína, açúcares refinados e salgados no seu plano alimentar, também irá ajudar a minimizar os sintomas.

Se possível, prepare o seu próprio lanche antes de sair de casa. O Dr. Ramlakham aponta bolos de aveia, nozes e frutas secas ou frutas frescas como alguns exemplos a seguir, para que se sinta melhor quando chegar ao destino.

4 – Mantenha-se hidratado e evite o álcool

Beba muita água durante o voo e evite estimulantes.

É extremamente importante para que se mantenha hidratado.

Evitar cafeína e álcool é a principal chave para combater o jet lag, isto porque as substancias neles contidas aumentam o cansaço.

Levar consigo as suas próprias saquetas de chá e apenas pedir água quente, pode também ser uma boa opção.

5 – Meditar durante a descolagem e aterragem

Feche os olhos e medite durante a descolagem e a aterragem, durante cerca de 20 minutos de cada vez.

Pratique isso em casa antes de ir dormir, se estar em vésperas de viajar, para que quando o fizer durante o voo não tenha dificuldades e consiga alcançar melhores resultados na meditação.

6 – Levante-se e mexa-se

Levante-se do seu lugar com regularidade e mexa-se.

Algo que não só é importante no aeroporto, mas também durante o voo.

Fazer isto é desde sempre recomendado por questões de saúde, especialmente ligadas à circulação sanguínea.

Por outro lado, isso irá despertá-lo e tirar-lhe o sono.

7 – Desligue o computador e faça uma pausa no trabalho

Se tem que trabalhar durante o voo, faça-o apenas por curtos períodos de tempo e não durante todo o voo.

Quando for para fazer as pausas, opte por colocar o computador e os documentos longe da vista. Porque longe da vista, longe do coração.

Em seguida, escolha algum entretenimento para o ajudar a relaxar. Algo como ouvir música ou ler um livro.

Se você começar a sentir-se cansado, não faça resistência ao sono. Pare o filme ou deixe o livro de lado e prepare-se para descansar.

8 – Concentre-se em descansar um pouco

Dar preferência ao descanso é algo que nos tira alguma pressão de cima, quando sabemos que precisamos dormir.

Pode ser extremamente difícil dormir durante um voo movimentado, com pessoas a mexerem-se e crianças barulhentas. Concentre-se em simplesmente descansar.

Os produtos que utilizam óleos de lavanda ou eucalipto irão ajudá-lo a dormir no avião.

Usar máscaras para os olhos, tampões para os ouvidos e colocar um sinal de "não perturbe" na sua mesa pode também ajudar, para que não seja acordado para as refeições ou com carrinhos de compras.

9 – Já no destino, resista ao sono

Quando chegamos ao nosso destino o cansaço atraiçoa e temos tendência a querer dormir antes da hora predestinada.

Quando chegar ao seu destino tente adiar o descanso até que seja hora de dormir.

É importante tentar reestabelecer uma rotina de sono normal, em vez de entrar num padrão nocturno. Se se sentir sonolento faça, por exemplo, uma caminhada na praia ou alguns exercícios leves para despertar.

O mais importante para combater o jet lag é sincronizar o horário para o do seu destino.

Mais uma vez, é importante evitar bebidas alcoólicas para que fique acordado, antes da hora de ir para a cama.

10 – Evite comprimidos para dormir

Evite tomar qualquer tipo de medicação para o ajudar a dormir.

O seu corpo precisa de se ajustar naturalmente ao fuso horário e ao usar medicação irá interromper esse processo.

Se não consegue dormir, só o facto de se deitar e descansar já é positivo - é provável que adormeça algum tempo depois.

Partilhar esta notícia
Referência

Info-Saúde Relacionados